25 de jan de 2009

Sede paciente...

"Paciência... paciência... paciência...”.

Não há virtude mais básica para um jediísta do que a paciência.

Ela é à base de qualquer raciocínio lógico, saber escolher o melhor momento para suas ações deriva de ser paciente ao observar o que passa ao seu redor.
Ela é um recurso estratégico para quem a utiliza, e saber utilizá-la nos piores momentos é admirável. Não há um bom estrategista que não a glorifique, não há um bom líder que não há tenha, não há um bom aluno que não necessite de cultivá-la.
Como eternos alunos do tempo se faz necessário cultivá-la de forma intermitente. Muitos serão os momentos em quem ela será posta a prova, muitas serão as vezes que tomado por impulso ou por uma expectativa errônea ela lhe mostrará o caminho para a decisão mais sábia.

Procure estar atento a tudo que lhe cerca, principalmente as pessoas e suas decisões, observe quais decisões que motivadas pelo impulso foram bem sucedidas, meça-as com as suas próprias decisões a respeito do assunto.
Treinar sua paciência é um exercício diário, talvez ininterrupto e cíclico, mas não deixe de treiná-la, ela lhe dará bons frutos.

Por vezes falhas seguidas levam a perda de paciência, é neste momento que devemos ficar alerta, algumas falhas não podem ser reparadas, não deixe de agir de forma paciente quando ela mais lhe faltar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário